sexta-feira, 19 de março de 2010

Nota de Esclarecimento

ESCOLA MUNICIPAL JESUÍNA DE ABREU
R. Igarité Esq. C/ Av. Rio Negro Qd. 65-A, Setor Parque Amazônia- Goiânia – GO C.E.P.: 74.840-060 FONE: (062) 3280 – 3136

Nota de Esclarecimento da E.M. Jesuína de Abreu

A Escola Municipal Jesuína de Abreu vem por meio desta prestar esclarecimentos à comunidade local com relação a cena de agressão contra um idoso praticada por educandos desta escola, que vem sendo divulgada em sites da internet e outros veículos de comunicação.

Antes, porém enfatizamos que repudiamos todo e qualquer ato de violência.

O fato ocorreu no dia 23/02/2010, no lado de fora da escola, aproximadamente por volta das 6h 50min, quando os alunos aguardavam o sinal para entrada. Ao ser avisada sobre o que estava acontecendo, a coordenadora de turno bateu o sinal mais cedo e colocou os alunos para dentro. Posteriormente, recebeu o senhor José Geraldo, ouviu sua queixa e se comprometeu em repassar o caso para a direção.

Nesse mesmo dia, ao tomar conhecimento do fato, a diretora acionou o Conselho Tutelar (por volta das 9 horas) e a SME via Unidade Regional de Educação – Maria Thomé Neto, que a aconselharam a conversar com os educandos, registrar o ocorrido e, convocar os pais dos alunos evolvidos a comparecerem à escola no dia 25/03/2010, já que o conselheiro João Batista tinha compromissos agendados para o dia posterior. No dia marcado para a reunião apenas a mãe de um dos educandos envolvidos e a representante da Unidade Regional de Educação – Maria Thomé Neto estiveram presentes à escola.

Os pais dos alunos que não compareceram à reunião convocada pelo Conselho Tutelar no dia 25/02/2010 tomaram conhecimento posteriormente, através da Equipe Diretiva da escola, inclusive de que a ação dos alunos havia sido gravada por um morador do prédio vizinho.

No dia 15/03/2010, ao saber que a cena da agressão havia sido postada em um site na internet, e que ameaças estavam sendo feitas aos alunos envolvidos, a Equipe Diretiva da escola comunicou aos pais dos mesmos, e convocou o Batalhão Escolar e o Conselheiro Tutelar para tomarem as medidas cabíveis.

Este fato também foi levado ao conhecimento dos pais dos demais educandos da escola em uma reunião, realizada no mesmo dia do acontecimento às 19h 30min (23/02/2010).

Ressaltamos que todas as providências legais foram tomadas, muito antes da imprensa tomar conhecimento do fato, pois trabalhamos com nossos alunos valores humanos, ética e cidadania através dos projetos pedagógicos e repudiamos todo e qualquer tratamento desumano, violento e constrangedor contra qualquer pessoa, independentemente de sua idade, sexo, convicção religiosa, política ou filosófica, grupo social, etnia, orientação sexual, nacionalidade e em suas demais individualidades.


Equipe Diretiva da E.M Jesuína de Abreu.

2 comentários:

  1. Eu queria saber se tem vaga para o 7° ano

    ResponderExcluir
  2. lucia maria da silva8 de agosto de 2012 17:15

    estudei nessa escola em meados de 87 a 91, gostaria muito de reencontrar os meus amigos dakela época.. se puder me manda por e-mail, marialucia531@hotmail.com, pelo menos o nomes de alguns deles, me lembro de alguns,SANDRA BORGES,MARCOS,PATRICIA,IAGRACIRA....

    ResponderExcluir

Não é permitido palavras ofensivas e discriminatórias ou de baixo calão.